Universo B

Ambição 2030: iniciativa do Pacto Global para acelerar o avanço da Agenda 2030

Lançamento Ambição 2030 – Pacto Global
Imagem: Divulgação Pacto Gloal

Conheça Ambição 2030, programa da Rede Brasil do Pacto Global da ONU composto por sete movimentos criados para acelerar o cumprimento da Agenda 2030

Uma das mensagens repetidas à exaustão por ativistas ambientais e especialistas em sustentabilidade é que “não existe ‘planeta B’”. Porém, ao mesmo tempo em que fazem esse alerta, eles lembram que isso nem seria necessário, afinal, ainda dá tempo de mudar o destino da Terra.

No entanto, para isso, mais do que fazer planos, é preciso definir metas, ações e formas de medir a evolução dessas iniciativas e cobrar sua realização. 

O programa Ambição 2030, apresentado esta semana pela Rede Brasil do Pacto Global (braço das Nações Unidas que reúne o setor corporativo), visa desempenhar esse papel.

A iniciativa é composta por sete movimentos conectados a alguns dos principais problemas enfrentados atualmente no Brasil:

  • Depreciação da saúde mental;
  • Desigualdades de gênero, econômica e racial;
  • Corrupção;
  • Aumento das emissões de gases de efeito estufa;
  • Falta de saneamento e acesso à água.

Cada movimento tem suas especificidades tanto em formas de engajamento das empresas na temática, quanto em metas e prazos, e atende a Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) específicos. Como participante do Pacto Global, a adesão aos Movimentos é gratuita e cada empresa pode fazer parte de quantos quiser.

O programa Ambição 2030 prevê o monitoramento anual do progresso das companhias signatárias dos movimentos, com resultados abertos ao público a partir da plataforma Observatório 2030. A expectativa do Pacto Global é que essa iniciativa aumente a eficiência do engajamento do setor privado nos ODS. 

Leia também: Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – 10 anos para mudar o mundo

Os 7 movimentos que compõem o programa Ambição 2030

Elas lideram 2030 (ODS 5)

Ambição 2030 – Movimento Elas Lideram

Dados do Teste Nacional do Censo Demográfico de 2022, realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) entre novembro do ano passado e fevereiro deste ano, apontam que 51,7% da população brasileira é composta por mulheres e 48,3%, por homens.

Porém, apesar de serem maioria na população, as mulheres estão longe de ocupar o mesmo espaço no mercado corporativo.

De acordo com um levantamento realizado pela Teva Índices, mais de 58% das empresas brasileiras não contam com nenhuma mulher na diretoria, no conselho fiscal ou no comitê de auditoria.

Além disso, o mesmo estudo indica também que apenas 14,2% dos assentos de conselho de administração são ocupados por mulheres – são 1.959 homens para 325 mulheres conselheiras – e que somente duas das 90 empresas do Ibovespa têm CEO mulheres.

O Movimento Elas lideram 2030, parte do programa Ambição 2030, foi pensado para ajudar as empresas a assumirem e atingirem metas concretas pela equidade de gênero.

As empresas interessadas em se unir ao movimento precisam se comprometer com uma das seguintes metas:

  • Ter 30% de mulheres em cargos de liderança até 2025; 
  • Ter 50% de mulheres em cargos de liderança até 2030. 

Além disso, o Pacto Global almeja promover 11.000 mulheres para cargos de alta liderança até o fim da década e ter pelo menos 150 lideranças de alto nível engajadas com esta ambição.

Atualmente, 29 empresas estão comprometidas com este movimento. Saiba mais e traga sua empresa para esse movimento.

Leia também:
Equidade de gênero nas empresas: bom para a sociedade e para os negócios
O papel das empresas para garantir igualdade de gênero durante a pandemia de Covid-19

+Água (ODS 6)

Ambição 2030 – Movimento +Água

De acordo com um levantamento realizado pelo Instituto Trata Brasil a partir de dados do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), do Ministério do Desenvolvimento Regional, cerca de 35 milhões de brasileiros não têm acesso à água potável e 100 milhões vivem sem saneamento.

Parte do programa Ambição 2030, o Movimento +Água é uma iniciativa para acelerar a universalização do saneamento e segurança hídrica do Brasil que tem o objetivo de impactar mais de 100 milhões de pessoas.

“Mais do que um posicionamento público, o Movimento +Água propõe uma jornada conjunta por maior controle, transparência e ações coletivas, defendendo a definição de metas como uma maneira poderosa de impulsionar as empresas com vantagem competitiva na transformação da sociedade para a universalização do saneamento e a segurança hídrica no país, avançando no ODS 6 (Água Potável e Saneamento)”, informa o Pacto Global.

Ao aderir a este movimento, a organização deverá selecionar na carta compromisso as metas com as quais se comprometerá. A sugestão de setores prioritários para cada meta é:

  1. 99% de pessoas com acesso à água potável segura até 2033. Setores prioritários: Saneamento e Municípios.
  2. 90% de esgoto coletado e tratado até 2033. Setores prioritários: Saneamento e Municípios.
  3. Conservação e reflorestamento de 50% das áreas críticas que auxiliam na produção natural de água até 2030. Todos os setores – ação coletiva.

O Pacto Global informa que é possível selecionar parte das metas no momento da adesão ao movimento e posteriormente adicionar outras metas, sendo que a jornada é até 2030 para a meta 3 e 2033 para as metas 1 e 2, em linha com o Novo Marco Legal do Saneamento.

10 empresas já aderiram ao movimento. Saiba mais

Leia também:
Como enfrentar a pandemia sem acesso à água? (ODS 6)
O problema da falta de água e saneamento e o papel do poder privado

Salário Digno (ODS 8)

Ambição 2030 – Movimento salário digno

Atualmente, 51 milhões de brasileiros vivem abaixo da linha da pobreza e ¼ da população de nosso país vive com menos de R$ 450 por mês.

Este movimento parte do Programa Ambição 2030 visa garantir 100% de salário digno para funcionários, incluindo operações, contratados, e/ou terceirizados, e promover e engajar toda a cadeia de suprimentos para desenvolver metas de salário digno. 

“Promover e fornecer um salário digno como um aspecto essencial do trabalho decente é a garantia de que os(as) trabalhadores(as), suas famílias e comunidades possam viver com dignidade e ter um padrão de vida decente”, analisa o Pacto Global.

Oito empresas estavam comprometidas com o movimento no momento do fechamento deste artigo. Saiba mais e engaje a sua empresa também!

Leia também:
Como o aumento do desemprego afeta a Agenda 2030 e a evolução do ODS 8
Como as empresas podem contribuir para promover trabalho decente e crescimento econômico sustentável para todos (ODS 8)

Raça é prioridade (ODS 10)

Movimento raça é prioridade

Nas 500 maiores empresas do Brasil, apenas 4,7% dos cargos de alta liderança são ocupados por pessoas negras. 

Para avanço individual e coletivo do ODS 10, este Movimento parte do Programa Ambição 2030 trabalhará para: 

  • Fazer com que mais de 1.500 empresas se comprometam com as metas do Movimento – que são:
    • Ter 30% de pessoas negras, indígenas, quilombolas e demais grupos étnicos minoritários em posição de liderança até 2025;
    • Ter 50% de pessoas negras, indígenas, quilombolas e demais grupos étnicos minoritários em posição de liderança até 2030.
  • Promover mais de 15.000 pessoas negras (negras, indígenas, quilombolas, ou pertencentes a outro grupo étnico socialmente vulnerável) a cargos de liderança até 2030; 
  • Capacitar mais de 20.000 pessoas negras em soft e hard skills; 
  • Diminuir o gap de remuneração entre os grupos étnicos-raciais socialmente vulneráveis e brancos; 
  • Ter mais de 150 lideranças influenciadoras de alto nível engajadas com esta ambição.

Atualmente, cinco empresas são signatárias deste movimento. Saiba mais e aumente esta lista envolvendo a sua empresa nessa missão!

Leia também:
6 negócios de impacto que apoiam a comunidade negra
Livros, podcasts e vídeos para sair da bolha branca e se unir à luta antirracista

Ambição net zero (ODS 13)

movimento ambição net zero

O objetivo deste movimento é colaborar para a redução de 2 Giga toneladas de CO2e em emissões acumuladas – equivalente à emissão anual do Brasil. “Ambicionamos trabalhar localmente com reduções de emissões de gases de efeito estufa para impactar positivamente a sociedade brasileira e o meio ambiente global”, informa a Rede Brasil do Pacto Global.

Para isso, o movimento aposta na definição de metas baseadas na ciência como uma maneira poderosa de impulsionar entregas de impacto para a sociedade brasileira e se propõe a trabalhar com setor empresarial brasileiro com compromissos individuais e ambições coletivas.

Até o momento, 13 empresas estão comprometidas com a ambição net zero. Saiba mais.

Dentre as organizações engajadas neste movimento do programa Ambição 2030 está uma empresa B
que já teve sua história contada aqui: a
Baluarte Cultura.

Leia o Estudo B #1: Como criar e executar uma agenda climática

Nesse relatório, você descobrirá as principais movimentações globais para um futuro carbono zero e, além disso, conhecerá histórias de empresas que mostram como inovar e criar diferenciais competitivos nesse contexto.


Transparência 100% (ODS 16)

Ambição 2030 – Movimento transparência 100%

A ONU estima que, anualmente, 5% do PIB global é perdido em corrupção. Além disso, na esfera nacional, 50% dos brasileiros acreditam que executivos são corruptos – e 10% dos cidadãos brasileiros confessam já terem dado propina em serviços públicos.

O objetivo deste movimento parte do Programa Ambição 2030 é desenvolver instituições eficazes, responsáveis e transparentes em todos os níveis, encorajando e capacitando as empresas para ir além das obrigações legais, fortalecendo mecanismos de transparência e integridade.

As grandes ambições do movimento Transparência 100% são conquistar:

  • 100% de transparência das interações com a Administração Pública
  • 100% de transparência da estrutura de Compliance e Governança
  • Remuneração 100% íntegra da alta administração
  • 100% da cadeia de valor de alto risco treinada em Integridade
  • 100% transparência sobre os canais de denúncias

12 empresas já são signatárias deste movimento. Saiba mais!

#menteemfoco (ODS 3)

Movimento mente em foco

Você sabia que o Brasil foi considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o país mais ansioso do mundo? Além disso, a OMS também afirma que o Brasil é o segundo em número de casos de burnout e o quinto em número de casos de depressão.

Este movimento do programa Ambição 2030 convida empresas e organizações brasileiras a agirem em benefício de seus colaboradores e da sociedade como um todo no combate ao estigma e ao preconceito social ao redor da saúde mental.

“O Movimento é uma forma de trazer para o centro das decisões das empresas a pauta da saúde mental, estimular a discussão sobre o tema, estabelecer ações concretas e de suporte aos seus colaboradores e criar um ambiente de trabalho saudável. O objetivo é que a saúde mental seja tratada não apenas como uma medida emergencial, mas sim como um tema perene e que faça parte da estratégia de negócio das companhias – um avanço no ODS 3 (Saúde e Bem-Estar)”, indica o Pacto Global.

As empresas que se tornarem signatárias firmam o compromisso de: 

  • Ter um profissional de referência para aconselhamento e atendimento;
  • Oferecer orientação e manejo de crises;
  • Garantir a avaliação permanente dos colaboradores;
  • Manter gestores engajados, com capacitação para atuar em relação ao tema e orientação sobre as melhores condutas, sendo agentes de transformação;
  • Criar um programa antiestigma: promover debates abertos e intervenções em grupo com assuntos que busquem reduzir o estigma relacionado ao sofrimento psíquico, inserindo-o como pauta permanente na organização;
  • Promover ações de incentivo à saúde mental: campanhas e iniciativas para incentivar práticas culturais, esportivas, de nutrição, bem-estar, educação, entre outras, a partir de demandas identificadas.

Saiba mais sobre este movimento que já tem 48 empresas signatárias.

Leia também: A pandemia de Covid-19 e o acesso aos serviços de saúde (ODS 3)

Presente e futuro do Programa Ambição 2030

Carlo Pereira, Diretor Executivo do Pacto Global
Carlo Pereira

Durante o evento de lançamento do Programa Ambição 2030, Carlo Pereira, Diretor Executivo do Pacto Global, contou que no total, 150 empresas já eram signatárias dos movimentos. Na visão dele, porém, esse é um número positivo apenas para essa fase inicial.

“Se a gente não tiver aqui milhares [de empresas], esse trabalho não vai ter servido para muita coisa. E é isso que a gente precisa de cada um, cada uma de vocês que estão aqui hoje, que estão assistindo, que façam a adesão a esses movimentos, mas não só isso, que tragam outras empresas, e que sejam embaixadores dentro e fora das empresas de vocês também”.

Quer receber conteúdo sobre ESG, Agenda 2030 e negócios de impacto em seu e-mail?
Assine nossa curadoria de histórias, tendências, dicas e ferramentas pensada para a sua jornada B pessoal e/ou empresarial

Natasha Schiebel

Jornalista, apaixonada pelo mundo e em constante processo de desconstrução e busca para ser uma pessoa melhor e contribuir mais com a sociedade.

Comentar

Clique aqui para publicar um comentário

Guia para empresas